Tende sal em vós mesmos

Na década de 80 havia um comercial de refrigerante em que um sujeito chegava num bar, vindo do deserto, com aparência de quem estava já desfalecendo de sede, e pedia… um saco de batatas fritas ou uma tigela de farofa. Depois de comê-las, só então pedia a tal bebida gasosa. O narrador dizia: “Provoque sua sede”.

Sendo o Senhor Jesus a fonte que nos convida a saciar a sede da alma, é curioso Ele utilizar a figura do sal, um elemento que desperta a sede. Mas quero compartilhar com vocês uma experiência.

Um grupo de jovens em Muriaé, há alguns anos atrás, começou a conviver com um rapaz, crente de uma denominação tradicional. Rapaz sincero e dedicado, mas que não havia experimentado ainda a bênção do Espírito Santo. O Senhor então orientou aos jovens da nossa igreja que começassem a compartilhar com ele as bênçãos que recebiam em cada culto. Todo dia era uma notícia nova: Um que havia sido curado, outro que recebia uma libertação, uma palavra revelada, um momento de quebrantamento. Tudo contado com a alegria e entusiasmo que tais assuntos merecem.

Na verdade o que estávamos fazendo era semelhante a dar ao moço uma colherada diária de sal. Ele ficava ainda mais sedento e não achava água nas reuniões monótonas e sem vida de sua denominação.

 Até que um dia ele disse assim: Eu posso assistir a um culto na sua igreja? Graças a Deus ele foi e encontrou águas abundantes. Saciou sua alma e lavou seu coração.

Há ainda hoje muitos jovens (e adultos… e crianças também!) à nossa volta que precisam ser despertados para uma vida espiritual abundante de experiências e alegrias santas e verdadeiras. Uma colherinha de sal diária será o suficiente. Você tem uma aí?

5 comentários sobre “Tende sal em vós mesmos

  1. (Colossenses 4:5) – Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo.
    (Colossenses 4:6) – A vossa palavra seja sempre agradável, temperada com sal,
    Usei este texto certa vez para trazer uma palavra de evangelização, pois o sal causa sede nas pessoas. Gostei muito, pois precisamos ter a experiência de ter sal ( sede ) e também a experiencia da alma dessedentada, para assim sermos usados para provocar sede nos outros e mostrar onde sacia-la.
    Maranata! 12/2011

    Curtir

  2. O Sal é comparado ao verdadeiro CRISTÃO, ao que segue os caminhos de JESUS, o que é imitador de Cristo, o que segue as pegadas de Cristo.
    Mar – o Mundo.
    Existe sal no mar? Existe. Existe cristão que está no mundo? Se formos no mundo veremos cristãos (festas etc).
    Mas o SAL que devemos ser É, igual ao Sal que é retirado do mar, o sal que serve de alimento para o corpo. Mas antes, ele tem que ser transformado. Então ele é levado para salinas, para moagem, fica sobre a incidência do sol e do vento. A Ação do SOL sobre o Sal é fundamental, as substâncias ruins são retiradas. As Salinas é a Igreja, onde há a presença do SOL (Jesus), o calor da Palavra de Deus, ai sim começa a evaporar a água do mundo.
    Ele é transformado, para depois então, ser ingerido pelo corpo. O Sal sem purificação é um sal que adoece.
    Fomos transformados pela GRAÇA DE JESUS.
    O CRENTE em JESUS precisa ser o SAL DA TERRA, o que provoca sede nas pessoas, a sede da ÁGUA DA VIDA.

    PS – a ação preservadora do Sal – não podemos esquecer da ação preservadora do Sal sobre alimento. E ele só tem efeito quando misturado ao alimento. Promessas do Senhor para as nossas famílias que ainda não tiveram uma experiência com o Senhor. O nosso testemunho trará sede e eles terão uma experiência com o Sol da Justiça.
    ELES PRECISAM SAIR DO MAR!

    Maranata!

    Curtir

  3. Sempre falamos muito do sabor do sal, quando apresentamos sobre a sede que o sal provoca, temos uma nova abordagem e podemos proclamar ao mundo Jesus que a fonte de águas vivas e o único capaz de saciar a sede da nossa alma.

    Curtir

  4. QUE PALAVRA MARAVILHOSA, SÓ MESMO VINDO DO ESPÍRITO SANTO. O SAL É O QUE DÁ SABOR AO ALIMENTO E GLÓRIA Á DEUS, NOSSA VIDA TEM SABOR DE VITÓRIA E ISSO É O QUE TEMOS PROCLAMADO AOS OUTROS, ATRAVÉS DO NOSSO TESTEMUNHO, MUITOS TEM VINDO SACIAR A SEDE DA ALMA!

    Curtir

  5. Sempre tive a curiosidade de saber por que Jesus disse que ”os discípulos são o sal da terra…” Porém, nunca havia visto comentarem sobre isso.
    Mas depois de ler a experiência que tiveram com o jovem, em meu coração eu sei que, de fato, ”se o sal for insípido, com que se há de salgar?”
    Tá aí uma das principais funções que cabe a nós servos: salgar e apresentar a água.

    Que bêeenção, meu irmão!!!
    Um abraço.

    Curtir

E você, o que poderia acrescentar sobre este assunto?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s